domingo, 19 de julho de 2009

Propósito

Talvez se eu pudesse ter mais êxito
Talvez se eu conseguisse te fazer entender
Em como os propósitos que tenho para nós
São propósitos que vão além dessa vida ínfima e pequena que compartilhamos.

Talvez se eu conseguisse cativar tua atenção para alguma coisa
Talvez se eu entregasse para Deus o que me aflige
Talvez se eu te chamasse a atenção mais uma vez
Quem sabe fizesse bem
Mas não, eu não pretendo ser chato em estar ditando teus passos
Onde estaria o livre-arbítrio nisso tudo?

Talvez se eu pudesse dizer que a tua vida vale mais que qualquer coisa
Até mais que a importância dos teus sorrisos em minhas retinas
Talvez eu tivesse sucesso e alegria em compartilhar de várias coisas
Sejam de joelhos, de mãos erguidas
Olhos fechados ou lábios em cânticos.

Qual o propósito disso tudo
E porque o propósito?
Porque você simplesmente não ouve o Espírito que berra nas praças:
"Alguém há de ser sábio e pensar na vida que vai além dos próprios olhos?"
Nem sei bem se terei êxito
Se poderei ser melhor com isso tudo
Tuas retinas estão cegas e eu não consigo levar nem mesmo vultos a elas.

Mas se por um milagre ou delicadeza que foi escondida dos meus olhos
Se por acaso tu ao menos tenta, por favor, externa isso!
O tempo está passando e eu te vejo a estagnar
Eu te vejo infrutífera
Não pretendo bancar o "pai" ou a "mãe"
Ninguém na verdade
Prefiro bancar apenas aquilo que me foi incumbido de ser.

8 comentários:

Nanda Assis disse...

perfeito!

bjosss...

analeite disse...

Prósitos,propósitos...

Realmente, so podemos s=fazer aquilo que nos foi incubido de fazer. Como já diria uma música que esqueci de quem é agora: "vamos nos permitir" =)

Monique Frebell disse...

Obrigada mesmo pela torcida.
Qualquer hora dessas eu volto.

Bjus!

=)

[M]. Cartágenes disse...

Ana, a música é "Tempos Modernos" do Lulu Santos. Boa letra a dessa música!

Paz.

Lua. disse...

Eu poderia ter escrito isso, realmente me identifiquei.
:*

OT disse...

interessado em participar em espelhosentido.blogspot.com?

B. disse...

Desta vez eu não saoi sem comentar,é a quarta vez que benho aqui e não cosegui,comentar antes =/

Na vida talvez e se,estão cheios,mas temo que parar de analisar e agir,mesmo sendo mais facil,somente pensar,ou supor reações e ações!

Isso mesmo,pode bancar aquilo que lhe foi imcubido.

Anônimo disse...

o que eu estava procurando, obrigado