sábado, 15 de agosto de 2009

Milagres Existem

Milagres existem e posso comprová-los
Não pense em coisas obvias ou do senso comum
Mas eu posso comprovar que tais coisas existem
Sem o propósito de serem extraordinárias
Pelo simples fato de gostarmos do que é extraordinário
Ou, do que nos faz sonhar e desejar o indesejável.

Milagres existem e não usarei o jargão de “eu sou um”
Muito menos direi que acordar a cada manhã e respirar
Tudo escorre pelas nossas mãos em um tempo frenético
Temos apenas essa vida e isso por si só já é um milagre
Milagre em podermos nos suportar
Outros até se iludem achando que amam
Mas não pregue ceticismo, apenas o racionalismo.

Milagres existem e pretendo prová-los
Dispense qualquer forma de aconchego ou conforto
Fortuna ou refúgio, nada disso irá para o outro lado quando morreres
Isso por si só já é um milagre
O que nos foi oculto aos olhos
O vislumbre de acordar depois de um curto coma que se chama sono.

Milagres existem e cansei de dizer que irei prová-los
Pois mesmo que provasse surgiria alguém incitando a dúvida e a descrença
Natural do ser que quer adoração para si mesmo
Para suas dores, nostalgias e lembranças.
Milagres existem e pareço estar distante deste cosmo
Desta cultura e pensamentos que surgem aqui e ali.

Se eu e você com toda essa parafernália ao nosso redor é um milagre
Desconsidere tal fato
Não perca o alvo, aliás, descubra seu próprio alvo
Só temos isso aqui para viver
Só temos isso aqui para respirar e encontrar um sentido para uma essência fútil
Apeguem-se ao que te satisfaz
Mas, apeguem-se bem mais a aquilo que para muitos é loucura
Pois loucura é o que se compreende através do espírito que habita em nós
E somente através dele.

Milagres existem e eu não sinto falta de mais nada
Pois eu escorro entre os meus próprios dedos
Com minhas verdades e “verdades”
Com meus surtos de sentimentalidade e amor ao próximo
Com meu senso natural de repudio e inconstância em não querer estabilidade
Apenas muita, mas muita adrenalina
Como se os valores ainda tivessem seu “valor”

Eis que tudo se fez novo pela retina de cada um
Infelizmente, enxergue como lhe convir
Liberdade de expressão e o mito do livre-arbítrio estão aí
Usem-os para algo que lhes trará vida em abundância e não para o que retrocede.
Se eu e você somos um milagre, então pratique tal coisa...

... Mas, eles existem e irei provar.

Um comentário:

Monique Frebell disse...

Eu creio!

Ótimo texto!